25 de maio de 2007

Cartas inválidas

Briguei com meus pais por que cheguei em casa as sete horas da noite, não tinha hora para voltar, mas as seis horas eu liguei para casa avisando que voltaria lá pelas sete e que sairia em meia hora porque o metro estava muito cheio, meu pai brigou comigo e disse que era para voltar imediatamente, como o onibus demorou e o metro também cheguei em casa as sete, levei bronca, discuti um pouco e me tranquei no quarto até agora (21:28) bom minha mãe entrou durante um momento mais eu fui bem fria com ela.
Sei que o motivo da briga é muito futil para vocês que assistem de fora, mas para mim não foi. Fico revoltada porque nunca fui a uma balada, nem matinê e bom eu tenho quinze anos! Só saio a tarde e ainda assim a hora mais tarde que eu cheguei foi as oito horas, isso porque todas as vezes que eu não aviso que vou chegar um pouco mais tarde eu chego mais tarde que sete horas, sem levar bronca, quando eu aviso leo bronca? Então qual é a recompensa de ser uma boa garota?
Nunca fiz nada de errado tirando responder para as "autoridades" e tirar notas "baixas", sempre convivi com as mesmas amigas desde a sétima série e agora que encontrei uma classe que pensa como eu não posso sair com eles? Isso é no minimo injusto, digo a unica maneira de eles demonstrarem que confiam em mim, que tem orgulho de mim é com bens materiais, como dinheiro esta escasso eles liberam uma hora a mais....é tão dificil? Sabem com quem estou e onde estou o que raios posso fazer de errado que eles não vão reparar quando eu chegar em casa? Todos meus amigos podem chegar em casa até as oito...eu tenho que chegar antes das seis?
Mas ao mesmo tempo não posso ficar brava com eles, são meus pais e querem meu melhor, mesmo que de maneira errada, preciso focar na idéia de que no futuro vou agradecer. Pensei em escrever uma carta dizendo como me sinto já que se eu abrir a boca para falar vai chover bronca deles, mas mudei de idéia...se precisar eu flo...até lá...cansei de me importar!

2 comentários:

Gabri disse...

Eu entendo como vc se sente, da minha sala, sou a que menos curte a vida tbm, mas nem é bem por causa dos meus pais, ñ tenho a rodinha de amigos q queria.. enfim.. muitos fatores atrapalham..
Ainda bem que você não escreveu a carta. Acho que ia ficar muito estranho, tem que falar mesmo, se expor pela fala. Carta ia ficar meio formal, meio distante, sei lá.....
Um grande beijo ;*

Thor Croix disse...

Leve as suas amigas em casa, mostre aos seus pais suas amigas, deixe que eles as conheçam, para ganhar a confiança deles e saber que vc está segura e se divertindo com elas. Mas também para que saibam que para elas é normal voltar mais tarde para casa e que vc não quer ser diferente, que vc quer aproveitar junto com elas. Pois merecer vc já provou que merece.
É questão de costume.

Sobre aquele meus post. Vale para toda forma de expressão, pintura, desenho, cartas, livros, poemas, gestos ao falar, etc.