4 de fevereiro de 2012

Uma dorzinha

ac152

  Eu sei porque eu estou assim, sensível: TPM. Mas não é só TPM. É o sentimento de fracasso por não passar na prova depois de três anos de cursinho, é ver meu irmão conquistando tudo o que ele queria e eu falhando, é saber que não vou poder ter o estilo de vida que eu queria, é saber que eu estou me contentando com o mediocre e não querer aceitar isso. É começar a duvidar de mim mesma, afinal se eu sou tão grandiosa como acho que sou, não deveria ter conseguido passar? E aí eu olho para quem passou e fico sem chão, a maioria são pessoas que se importam mais em ir para o bar encher a cara do que fazer alguma difereça no mundo. Como pode isso ser justo? Porque esse nó na garganta que eu tô sentindo é também o sentimento de injustiça.

  E eu ainda tô sem chão, sem riso, sem ansiedade… Minha cabeça é só matemática, meu pensamento pura arquitetura temporal, meu coração, esse sim está absolutamente vazio e ainda assim doendo.

Nenhum comentário: